Dia Internacional da Mulher é marcado por manifestações na Praça Ary Coelho

Evento contou com música, apresentação de dança e cartazes de protesto


O Dia Internacional da Mulher, comemorado em 8 de março, foi marcado por greves em todas as capitais do Brasil e em 42 países. Em Campo Grande, o evento aconteceu na Praça Ary Coelho e reuniu movimentos sociais, apresentações culturais, intervenções artísticas e comentários de mulheres engajadas na causa feminista.

Denominado “Greve Internacional das Mulheres”, a manifestação na capital sul-mato-grossense foi organizada pela assistente social e militante do movimento feminista,Sandra da Silva.O objetivo é trazer o debate ao público que frequenta o centro da cidade.“As poucas horas que estamos aqui, eu acredito que vai trazer uma reflexão para as mulheres e para nós também ”, afirma Sandra.

De acordo com dados do Mapa da Violência, Mato Grosso do Sul ocupa o quinto lugar no ranking de estados brasileiros com maior incidência de casos de violência contra mulher no ano passado. Diante de tal realidade, os grupos feministas do estado viram a necessidade de fazer desta data, momento de reflexão e luta por maiores direitos. “A gente agradece as felicitações, os cartões, as rosas, os presentes. Só que o dia oito de março é um dia de reflexão, é um dia de luta”, diz Sandra.

A EJ BRAVA esteve presente na manifestação e registrou as imagens que você confere abaixo:


Bookmark the permalink.

Comments are closed